Educação e Qualificação2022-03-30T10:12:11+00:00

Educação e Qualificação

Educação e Qualificação
Coesão Social
Formação

O PIICIE do Cávado é um instrumento de aprofundamento operacional da Estratégia Integrada de Desenvolvimento Territorial (EIDT) e Pacto de Desenvolvimento e Coesão Territorial (PDCT) Cávado 2020, no domínio educativo, desenvolvido em cooperação estreita com todos os Municípios e respetivos Agrupamentos de Escolas e Escolas Não Agrupadas do Cávado.

Este Plano enquadra-se na contratualização do PDCT com o POR Norte 2020 e concretamente na Prioridade de Investimento 10.1: “Redução e prevenção do abandono escolar precoce e estabelecimento de condições de igualdade no acesso à educação infantil, primária e secundária, incluindo percursos de aprendizagem formais e informais, para a reintegração no ensino e formação”.

A Comunidade Intermunicipal (CIM) do Cávado assumiu, em 2016, a aposta político-institucional de antecipação do processo de elaboração do seu Plano o que permitiu que este tenha sido o 1º Plano da Região a ser submetido e aprovado na 1ª Fase do Aviso NORTE-66-2016-28, com uma dotação global de 3,57 milhões de euros (FSE).

O processo de elaboração deste documento assentou num processo de diagnóstico adaptado às necessidades identificadas nas e pelas comunidades educativas locais, com a conjugação de informação quantitativa e qualitativa (levantamento e análise das necessidades e medidas a priorizar para o insucesso escolar). Teve como finalidade definir uma estratégia educativa sub-regional com medidas e projetos de combate ao insucesso escolar que sirvam de complemento e de reforço à política educativa pública.

O PIICIE do Cávado assume-se como uma estratégia educativa sub-regional desenvolvida em cooperação estreita com as comunidades educativas, desde a fase de diagnóstico, à construção do plano de ação.

Em curso desde o ano letivo 2017/18, integra medidas e projetos de combate ao insucesso escolar que servem de complemento e de reforço à política educativa pública, e que coloca a promoção do sucesso escolar, a qualificação e a escolarização no centro da estratégia de desenvolvimento do território.

Manual de Boas Práticas Geral

Manual de Boas Práticas Amares

Manual de Boas Práticas Barcelos

Manual de Boas Práticas Braga

Manual de Boas Práticas Esposende

Manual de Boas Práticas Terras de Bouro

Manual de Boas Práticas Vila Verde

A Bolsa de Projetos Municipais é composta por 16 operações, conforme se expõe no quadro abaixo, que integram um conjunto de medidas priorizadas pelas respetivas comunidades educativas e com uma combinação de medidas preventivas e de intervenção em prol da promoção do sucesso educativo dirigidas aos diferentes níveis de ensino de educação. Centram-se no desenvolvimento complementar de ações ao nível de:

– constituição de equipas multidisciplinares para uma intervenção sistémica nos fatores de risco sociais e pessoais (apoio psicossocial, psicoeducativo, desenvolvimento de competências linguísticas, acompanhamento às situações de indisciplina e capacitação parental através de equipas multidisciplinares);

– apoio e acompanhamento no processo de aprendizagem (dinâmicas pedagógicas centradas na aprendizagem orientada em contexto prático para o desenvolvimento/consolidação de competências e melhoria ao nível das disciplinas nucleares);

– de competências no domínio das TIC (utilização de recursos educativos digitais em contexto para a melhoria dos níveis de aprendizagem); e,

– atividades de enriquecimento curricular ao nível da literacia no domínio da leitura, escrita, matemática, cientifica e das expressões artísticas, enquanto estratégicas de intervenção nos sinais de desmotivação para o trabalho escolar e comportamentos disruptivos.

DESIGNAÇÃO DO PROJETO ENTIDADE BENEFICIÁRIA INVESTIMENTO TOTAL ELEGIVEL APOIO FUNDO SOCIAL EUROPEU
Escola para Tod@s: Sucesso na Aprendizagem Município de Amares 200.099,96 € 170.084,97 €
ParAmares a Leitura 24.645,00 € 20.948,25 €
Intervenção Psicossocial e Psicoeducativa Município de Barcelos 443.826,01 € 377.252,11 €
Barcelos a Ler 136.918,62 € 116.381,00 €
A Diferença está no Desporto 257.940,82 € 219.249,70 €
Equipa Técnica de Articulação Educativa (ETAE) Município de Braga 678.289,31 € 576.545,91 €
Saber Crescer 362.200,40 € 307.870,34 €
Núcleo de Intervenção com o Aluno e Família (NIAF) Município de Esposende 374.900,27 € 318.665,23 €
Clubes de Ativação e Motivação de Competências 281.371,52 € 239.165,79 €
Educar pela Arte 208.707,49 € 177.401,37 €
Equipa de Apoio ao Aluno e à Família (EAAF) Município de Terras de Bouro 92.202,00 € 78.301,70 €
Ter + Sucesso na Leitura e Escrita 115.578,00 € 98.241,30 €
Clubes de Ativação e Motivação de Competências 163.270,60 € 138.780,01 €
Equipa de Promoção de Sucesso Educativo (EPSE) Município de Vila Verde 142.585,21 € 121.197,43 €
Vil’Arte Educativa 133.464,32 € 113.444,67 €
Aprender a Ser com Competências Transversais 179.901,05 € 152.915,89 €

A Bolsa de Projetos Intermunicipal é composta por 3 operações focadas no reforço do sentimento e identidade intermunicipal para com o PIICIE e a CIM Cávado, e do impacto de reprodutibilidade financeira e técnico institucional, do conjunto de ações/medidas dos projetos integrados no Plano.

Integra para isso medidas mais transversais de: capacitação institucional e espaços de articulação interinstitucional para dotar os agentes envolvidos de competências; comunicação de resultados e contacto com boas-práticas desenvolvidas na promoção do sucesso escolar; desenvolvimento de atitudes e competências transversais para o empreendedorismo; e, de promoção das competências digitais por via da utilização de plataformas e recursos educativos digitais.

Designação do projeto | Mais Cidadania: Plataforma de Colaboração e Partilha na NUT III Cávado
Código do projeto | NORTE-08-5266-FSE-000091
Objetivo principal | Criar um ambiente de aprendizagem inovador, adaptável ao aluno, dinâmico e interativo que estimule e reforce o processo de ensino-aprendizagem.

Região de intervenção | NUT III Cávado
Entidade beneficiária | Comunidade Intermunicipal do Cávado

Data de aprovação | 09-11-2017
Data de início | 01-09-2017
Data de conclusão | 30-08-2020

Custo total elegível | 149.988,19€
Apoio financeiro da União Europeia | 127.489,96€

O projeto destina-se a alunos do 1.º Ciclo e visa desenvolver competências, atitudes e valores que ajudem as crianças a desempenhar um papel ativo na comunidade e construir um ambiente de aprendizagem rico em tecnologia, facilitador da aprendizagem, do trabalho colaborativo e partilha.
Trata-se uma plataforma digital que tem como principais atividades: ações de capacitação para professores; atividades multimédia, interativas e dinâmicas,
desenvolvidas para o 1º Ciclo do Ensino Básico; e disponibilização na plataforma de conteúdos para trabalhar os diferentes temas de cidadania e de currículo local. Assume como principal resultado proporcionar um ambiente de aprendizagem rico em tecnologia e facilitador da aprendizagem, do trabalho colaborativo e da partilha de ideias; promover o contacto dos alunos com ferramentas pedagógicas inovadoras; e, desenvolver a literacia digital nos alunos, bem como valores da cidadania através da exploração de diferentes temáticas abordadas de forma lúdica (educação ambiental e desenvolvimento sustentável, educação para a saúde e currículo local).

Notícias

Designação do projeto | Capacitação e Inovação na Rede Educativa do Cávado
Código do projeto | NORTE-08-5266-FSE-000065

Objetivo principal| Fomentar espaços de capacitação institucional e comunitária de partilha de conhecimentos, avaliação participado e integrado com as comunidades educativas do Cávado sobre as estratégias inovadoras e recursos dos projetos e PIICIE do Cávado em prol do sucesso escolar.
Região de intervenção | NUT III Cávado
Entidade beneficiária | Comunidade Intermunicipal do Cávado

Data de aprovação | 09-11-2017
Data de início | 01-09-2017
Data de conclusão | 31-08-2020
Custo total elegível | 114.248,49€
Apoio financeiro da União Europeia | 97.111,22€

Trata-se de uma operação de suporte à execução, monitorização e avaliação do PIICIE e respetivos projetos, centrada na animação e capacitação institucional da rede educativa do Cávado por via do envolvimento das comunidades educativas num processo participado e integrado de partilha de conhecimentos e avaliação do impacto gerado pelos projetos e PIICIE.

Tem como principais atividades: i) dinamização e gestão do Modelo de Governação do PIICIE; ii) desenvolvimento de competências e instrumentos comuns de execução, monitorização e avaliação dos projetos; e, iii) transferência de conhecimento intermunicípios e exploração de novas abordagens promotoras de sucesso educativo e reforço da relação escola-comunidade. Assume como principal resultado dotar o Cávado de uma rede colaborativa e os profissionais que intervêm e/ou interagem com o contexto escolar de competências técnicas sobre questões relacionadas com a promoção do sucesso escolar (metodologias,
instrumentos e ferramentas).

Designação do projeto | Educação Empreendedora
Código do projeto | NORTE-08-5266-FSE-000110

Objetivo principal | Implementação de programa de sensibilização para o empreendedorismo nas escolas com vista à dinamização de iniciativas de deteção, de estímulo e de apoio ao empreendedorismo na comunidade escolar do Cávado.
Região de intervenção | NUT III Cávado
Entidade beneficiária | Comunidade Intermunicipal do Cávado

Data de aprovação | 09-11-2017
Data de início | 03-09-2018
Data de conclusão | 30-08-2019
Custo total elegível | 49.384,50€
Apoio financeiro da União Europeia | 41.976,83€

O projeto assenta na aplicação de um programa de educação e sensibilização para o empreendedorismo em articulação com as escolas do Cávado, orientado para os alunos do 3º ciclo do Ensino Básico e para o Ensino Secundário. Pretende-se aplicar um programa de educação e sensibilização para o empreendedorismo em articulação com as comunidades educativas do Cávado, a partir do desenvolvimento de: ações de formação dos professores sobre a pedagogia empreendedora; sessões e atividades lúdico-pedagógicas com os alunos, a serem desenvolvidas ao longo do ano lectivo e implementadas pelos professores e consultores/formadores; concursos municipais e final intermunicipal intra/inter escolar.

Assume como principal resultado fomentar a apropriação social do espírito e cultura empreendedora, contribuindo para a criação de ambientes de aprendizagem motivadores, gratificantes e que, em contextos formais e não formais, provoquem mais e melhores aprendizagens em todos os alunos.

O projeto de educação financeira “No Poupar Está o Ganho”, é promovido pela Fundação Dr. António Cupertino de Miranda, e visa prosseguir as linhas orientadoras do “Plano Nacional de Formação Financeira” e do “Referencial de Educação Financeira”, assente na capacitação específica para o uso adequado do dinheiro.

É orientado para os alunos do 1º ciclo do ensino básico e tem como objetivo principal informar e capacitar os alunos sobre conceitos sólidos de educação financeira, e quanto ao adequado uso do dinheiro, nomeadamente sobre a necessidade de controlarem os seus recursos e de respeitarem um determinado orçamento.

A CIM e os Municípios do Cávado associaram-se ao Projeto de Educação Financeira “No Poupar está o Ganho!”, ao longo dos últimos três anos letivos (2017/2018, 2018/2019, 2019/2020), num universo de 40 turmas (por ano) do território do Cávado.

NOTICIAS

NOTICIAS

A Comunidade Intermunicipal do Cávado participa, desde o ano letivo de 2015/2016, no processo de planeamento e concertação da rede de oferta formativa e coopera com a ANQEP e DGESTE na estabilização das ofertas formativas, em linha com as orientações metodológicas e critérios de ordenamento definidos pela ANQEP.

O Estudo de Antecipação de Necessidades de Qualificação resulta da concertação e planeamento da oferta de cursos profissionais, em linha com a metodologia definida pela ANQEP para o Módulo de Aprofundamento Regional do Sistema de Antecipações de Necessidades de Qualificações (SANQ), e com a finalidade de dotar a NUT III Cávado de um instrumento de planeamento promotor da empregabilidade de jovens e adultos, com base na convergência dos atores regionais dos sistemas de educação, formação e emprego.

Trata-se de um instrumento de gestão concluído em 2016 e que permitiu à NUT III Cávado integrar, durante 2 anos, o Sistema Nacional de Antecipação de Necessidades de Qualificação (SANQ), fornecendo às Escolas com ensino profissional informação critica para a definição e concertação da rede de oferta de cursos para os anos letivos subsequentes.

A CIM Cávado coordena o processo de diagnóstico e de planeamento regional, de forma a garantir a sua conformidade com o Referencial Metodológico definido pela ANQEP, I.P., bem com a articulação e a coerência com o trabalho desenvolvido ao nível de cada um dos Municípios e escolas envolvidas.

Assume o papel de mobilizador e facilitador na implementação do Modelo de Aprofundamento Regional do SANQ – Sistema de Antecipação de Necessidades de Qualificações, em articulação com a DGESTE, Municípios, Escolas com ensino profissional e outros agentes que atuam no âmbito da formação profissional.

A CIM atribui uma relevância acrescida ao processo de concertação da rede de oferta formativa com as escolas e Municípios do Cávado, na definição conjunta de ofertas formativas em linha com as necessidades e expetativas empresariais e sociais dos territórios. Procura ser um parceiro territorial na procura de melhoria contínua que é estratégica para o Sistema Nacional de Qualificações e que seja motor para o reforço da confiança nas modalidades de Educação e Formação profissional.

Go to Top