Home / News / Lançamento do Livro...
 

Lançamento do Livro "Minho e Minas Gerais no Séc XVIII"

Realiza-se no próximo dia 18 de Outubro, nas instalações da CIM Cávado, pelas 18h00, o lançamento do livro “Minho e Minas Gerais no Séc. XVIII”, do autor Eduardo Pires de Oliveira, investigador e curioso e incansável pela pesquisa do intercâmbio cultural e artístico entre o Minho e Minas Gerais no século XVIII. 
A sessão realizar-se-á no edifício sede da Comunidade Intermunicipal do Cávado, sita na Rua do Carmo, 29 em Braga, e o livro será apresentado pelo Senhor Professor Eng.º Luís Braga da Cruz, personalidade muito distinta e relevante do Norte de Portugal, que exerceu funções de Presidente da Comissão de Coordenação da Região Norte e de Ministro da Economia, entre outras. 

Recorde-se que foi sobretudo do Minho que partiu a maior parte dos homens que povoaram Minas Gerais na primeira metade do século XVIII. Hoje, passados três séculos ainda se sentem com força muitas raízes comuns. Os 12 textos que agora se juntam são o resultado das muitas idas a Minas Gerais, do amor que o autor foi criando à região e das amizades que se foram cimentando no contacto com muitos colegas. Dois destes textos foram, aliás, escritos em colaboração com uma mineira, Maria Cláudia Orlando Magnani. Por estas páginas perpassam obras de arte de Ouro Preto, S. João del Rei, Tiradentes, Diamantina, Mariana, etc. e homens/artistas como António Pereira de Sousa Calheiros, Francisco Vieira Servas e José Soares de Araújo. Mas também se fala de como se fazia o percurso do Minho para Minas; e não se esquece a importância fundamental que o dinheiro e o ouro de Minas Gerais tiveram na estruturação da economia e na arte do Minho daqueles tempos.  

Eduardo Pires de Oliveira é doutorado em História de Arte na Universidade do Porto, sob o tema “André Soares e o rococó do Minho” e já publicou cerca de 200 livros, artigos e comunicações em congressos sobre o Património Cultural Minhoto e sobre a Diáspora da Arte Minhota Barroca e Rococó pelo mundo, com especial relevo em Minas Gerais, Brasil. Investigador integrado do ARTIS, Instituto de História de Arte da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, é também um académico correspondente da Academia Nacional de Belas Artes. Já foi galardoado com o Prémio José de Figueiredo (Academia Nacional de Belas Artes), em 1994 e é sócio fundador da ASPA – Associação para a Defesa, Estudo e Divulgação do Património Cultural.
Newsletter
Vale do Cávado - All rights reserved.